O Júri da Imprensa Internacional 2017

Descubra os jornalistas do Júri da Imprensa Internacional!

A cada ano, três prêmios são concedidos no final do festival: o Prêmio do Público (o seu!) concedido pelos internautas de todo o mundo, o Prêmio dos Cineastas, composto por um júri de diretores, e o Prêmio da Imprensa Internacional.

Este é o Júri da Imprensa Internacional desta 7ª edição:

David Jenkins

David Jenkins é o editor-chefe da revista de cinema quinzenal Little White Lies, com ilustrações magníficas, e que acaba de lançar sua edição nº 67. Ele trabalhou como crítico para Time Out Londres antes de unir-se à equipe de Little White Lies. Ele escreveu para Sight & SoundThe Guardian, Montages, MUBI e outras... 

Pablo Oscar Scholz

Pablo Scholz estudou em Buenos Aires, onde trabalha como crítico de cinema no Clarin, o maior jornal de língua espanhola atual. Tornou-se editor-chefe e diretor-geral adjunto antes de entrar para a rádio em programas culturais na FM Milenium. Seu talento o levou a ser membro do comitê de seleção da competição oficial do festival Mar del Plata de 2002 a 2008. Foi convidado para vários festivais internacionais, como Cannes, Toronto, San Sebastián e Buenos Aires. Ele é também membro da FIPRESCI (Federação Internacional de Críticos de Cinema).

Marc-André Lussier

Grande cinéfilo durante toda a sua vida, Marc-André Lussier tem mais de 25 anos de experiência como crítico de cinema. Em setembro de 1988, ele foi anfitrião duma revista de cinema chamada Projection spéciale na rádio CIBL-FM. Em 1995, começou a assinar textos para La Presse (Canadá) como colaborador. Cinco anos mais tarde, o grande diário de Montreal o contratou de forma permanente. Paralelamente, é autor de crônicas na Radio-Canada. Ele também é anfitrião duma emissão de cinema na ARTV e coanfitrião na Télé-Québec do programa À l’affiche cette semaine. Ele também é o autor do livro Le meilleur de mon cinéma, publicado por Éditions La Presse.

Elena Vassilieva

Elena Vassilieva vive entre a Rússia e a França, país que a apaixona por seu cinema. Há 7 anos ela escreve sobre cinema francês. Começou fazendo críticas para um site russo especializado em cinema do hexágono e, mais tarde, para o Kinopoisk, o site cinéfilo mais influente da Rússia. Ela é responsável pelo blog sobre cinema francês e pelas entrevistas com artistas francófonos.

Michiko Yoshitake

Com sede em Paris, Michiko Yoshitake é a correspondente da revista japonesa Kinema Junpo, a revista de cinema mais antiga. Também faz as críticas para o jornal japonês OVNI, publicado na França. Ela descobriu grandes artistas franceses no Japão, como Leos Carax ou François Ozon, e participou da coprodução franco-japonesa de alguns dos seus filmes. Mais tarde ela se lançou à produção de filmes ao lado do cineasta Nobuhiro Suwa. Ultimamente, ela criou sua própria produtora: FILM-IN-EVOLUTION. 

Os vencedores da 7ª edição serão revelados no dia 13 de fevereiro.

Colocado em Domingo, 5 de Fevereiro de 2017

Comentários (-)

 

Ao vivo directo do festival